HOMENS COM ASAS





Ninguém nasce sem uma missão. Todos temos um propósito que move a nossa vida e nos motiva a despertar. Não podemos nos esquecer da nossa missão ou propósito. Jesus assemelhou os homens aos anjos do céu na ressurreição, que não se casam (Lc 20.36). Certamente nos assemelhamos aos anjos de Deus em muitos aspectos, pois igual a eles, somos filhos de Deus e temos uma missão.

Quando olhamos para nós percebemos nossa forma humana. A teologia nos diz que anjos tem forma humana por causa dos homens (antropomorfismo) mas não há fundamento bíblico nisso, é apenas uma forma de pensamento, mas existem outras. Se invertermos as coisas, será que homens tem a forma que tem por conta da imagem das coisas celestiais? Acredito que sim, pois a formação humana veio do sopro celeste de Deus e no homem Deus imprimiu a sua imagem e semelhança. Como filhos de Deus somos seres celestiais, participantes da natureza divina (2 Pe 1.4) e almejamos voltar para Deus de onde viemos, pois nosso sopro vem do céu.

Temos uma missão como os anjos. Poderíamos até pensar que somos anjos de Deus, pois tal como eles somos portadores de uma mensagem. Mas na realidade somos homens com asas. As asas são como uma cruz, esta é a nossa missão, entre o céu e a terra: somos filhos de Deus, santos, temos a vida eterna e acesso a presença do grandioso Deus, porém não podemos voar agora para a nossa casa celestial, pois temos uma cruz, uma missão de fé e amor. Há asas que precisam ser livres como as nossas.

Não é a hora de voltar, temos uma missão de resgate, como Jesus. Devemos proclamar a mensagem do nosso único Salvador. São os anjos de Deus que arrebatam a igreja. Você pode também arrebatar uma alma das garras de Satanás, pelo poder do filho de Deus. Quem sai andando e chorando, enquanto semeia, voltará com júbilo, trazendo os seus feixes (Sl 126.6).



07 de janeiro de 2017
Autor: G.F. da Silva